sábado, 19 de Janeiro de 2013

CURRICULUM VITAE 2010 E QUINTA VALE DONA MARIA 2010


The Wine Advocate Magazine dá classificação máxima do ano 2010 aos tintos Durienses  - CV  Curriculum Vitae 2010 e Quinta Vale D. Maria 2010 de Cristiano Van Zeller. Com 94 e 93 pontos, respectivamente, obtiveram as duas mais elevadas classificações dos vinhos da colheita de 2010 atribuídas pela publicação fundada por Robert Parker, o mais prestigiado e influente crítico de vinhos internacional. 

                                                      
CURRICULUM VITAE 2010 
Muito concentrado na cor, este tinto de 2010 mostra-se muito balsâmico no aroma. Fruta preta madura, como amoras e mirtilos são também evidentes. No entanto, a presença da madeira é ainda bastante notória, característica que amaciará com o tempo em garrafa. A boca apresenta-se muito fresca, viva, com taninos muito presentes e com uma acidez que nos permite augurar-lhe uma enorme longevidade.

QUINTA VALE DONA MARIA 2010
Menos extraído na cor que o seu irmão CV 2010, este Vale Dona Maria é talvez um dos vinhos mais impressionantes da sua geração e segmento. Frutos vermelhos e frutos do bosque dominam o seu conjunto olfactivo. A madeira encontra-se muito bem integrada, sendo as sensações de tostados e fumados bastantes subtis. Com belíssimo corpo e volume, este tinto duriense apresenta uma notável textura, com uma acidez muito bem colocada e um conjunto de taninos a aconselhar ainda um certo repouso em cave, para que tudo se harmonize e o transforme num vinho ainda mais elegante, profundo e complexo.

Sobre a QUINTA VALE DONA MARIA veja também aqui.                                              (http://aminhaloucapaixao.blogspot.pt/2012/10/no-passado-dia-14-de-setembro-no.html) 

Sem comentários: